Skip to content

Ok, eu me rendo!

Me rendo ao mar de pensamentos que insistem em me invadir no momento em que vou dormir.

Me rendo as gritarias e necessidades que escuto de mim mesma.

Mas não me rendo ao sentimento.

Quem ler meus pensamentos entenderá a agonia e a tempestade diante deles, o desespero de uma confirmação, um “clique”, uma resposta ou apenas uma noite.

A verdade é que estou confusa, meio sem direção. Com medo de perder os freios, exagerar na curva e perder o controle.

Quem me garante que isso não vire um capotamento sem fim pelo lugar mais íngreme de todos? Quem me garante que vais estar aqui ou lá para me tirar dos destroços, me salvar de mim mesma?

Dramática? Provavelmente mais do que imagino e espero, mas se eu não for… caio de novo na ribanceira.

E isso tudo que era pra falar de você se resumiu a mim, porque é fácil se perder no meio do caminho quando a aventura é longa.

feelings

*Encontrei esse texto no meio dos meus cadernos de anotação. Pelo drama envolvido nele, provavelmente foi desenvolvido entre 2011 – 2013.
Imagens: WeHeartIt
Facebook Comments